Call to Action: 4 dicas para você desenvolver um

Muito comum na geração de leads e até na concretização de vendas, quem quer promover boas práticas em marketing digital precisa entender o conceito de Call to Action.

Call to Action

Diversas marcas investem pesado em conteúdos inteligentes e persuasivos que atraiam a atenção do público-alvo. Isso é muito importante, mas não podemos nos esquecer de que é necessário, em alguns momentos, conduzir a ação dos leads.

Dependendo do objetivo do seu negócio, é essencial usar alguns recursos para que os visitantes de seu site, blog ou até mesmo seus contatos de e-mail tenham uma reação esperada.

É aqui que entra o uso do Call to Action (ou CTA). Também conhecido como “chamada para ação”, é ele que vai conduzir o seu lead até o resultado que você almeja.

No entanto, não basta pedir para um possível cliente clicar no link ou preencher um formulário de contato. É preciso saber usar essa estratégia de maneira correta para que ela realmente tenha um bom desempenho.

Pensando nisso, neste artigo, vamos explicar o que é Call to Action, como funciona, como usar e quais são suas vantagens. Acompanhe!

Afinal, o que é CTA?


CTA é uma sigla para Call to Action, que trata-se de um link ou botão que conduz o lead a realizar uma ação pré-determinada.

Ou seja, para qualquer empresa, essa estratégia é essencial para promover produtos e serviços e ainda gerar leads. No entanto, para que essa prática cumpra a sua função, é preciso saber escolher o formato correto.

O CTA pode vir em formato de link, que direciona o visitante para outro conteúdo, permitindo que ele tenha acesso a determinado material, ou ainda levando o usuário a uma landing page (página de aterrissagem).

Independentemente de qual tipo uma gráfica de folhetos restaurante vai usar, o objetivo dela ou de qualquer outra empresa deve ser sempre o de levar o possível cliente ou visitante às outras etapas de uma jornada de compra.

Podemos resumir que o CTA serve para conduzir o lead a realizar uma ação, com o objetivo de evoluí-lo dentro do funil de vendas.

Seu funcionamento depende de alguns fatores importantes que devem ser observados com cuidado ao se desenvolver uma chamada para ação, sendo:

  • Sua posição na página;
  • Imagens usadas;
  • Cor da página;
  • Cor do CTA.

Da mesma forma, é importante analisar o tamanho da chamada em relação aos outros itens da página, o número de opções disponíveis e quais são os elementos que apontam para ele.

É dessa forma que uma gráfica que produz flyer festa pode fazer com que o visitante se interesse pelo botão, indo muito além de apenas notá-lo e não realizar nenhuma ação.

O interesse também surge com o texto usado no CTA, então o famoso “clique aqui” ou “fale conosco” não são mais formas atraentes de mencioná-lo.

É preciso transmitir o real valor da oferta, fazendo com que seu lead entenda o que vai acontecer ou o que ele receberá em troca, para que assim se sinta mais seguro.

Como desenvolver um bom CTA?


Para desenvolver uma boa chamada para ação, existem algumas estratégias que as marcas costumam apostar. São elas:

1. Entender o funil de vendas


É importante saber para qual estágio do funil de vendas a chamada para ação será destinada, bem como o tipo de visitante.

Por exemplo, uma empresa de aluguel de telão vai criar um CTA que encaminhe um novo visitante para um conteúdo que explique as vantagens da locação deste produto para festas.

A empresa também pode criar outro Call to Action que direcione um lead qualificado prestes a fechar negócio para uma página de orçamentos.

É dessa forma que ela aumenta as chances de converter, tanto um visitante em lead, quanto um lead em cliente.

2. Escolher um bom formato


Como já mencionamos, existem muitas opções de formatos de CTA que uma empresa pode usar, e um dos mais escolhidos é o botão.

Ele é aplicado nas páginas iniciais e logo no início da página, sem que o visitante precise rolar para baixo para encontrá-lo.

Trata-se do tipo ideal para preenchimento de formulários, campanhas de e-mails, páginas de compra, entre outras possibilidades.

É ainda o mais indicado para induzir uma ação com base em uma decisão já tomada. Por exemplo, quando o lead já decidiu que quer fazer um orçamento de cesta para bicicleta e há um CTA que o leve para o preenchimento de um cadastro.

Também é possível usar chamadas em formato de banner, sendo muito comum em redes sociais, blogs e anúncios em redes de display.

Logo, mesmo que o visitante role a tela para baixo para continuar lendo o conteúdo, a chamada continua presente.

Por fim, existem os links presentes nos textos que possuem um caráter mais interno, mesmo assim, eles não se limitam apenas a blogs ou sites.

Ainda podem ser usados dentro de um e-mail de cunho mais pessoal, vídeos, e-books e mais uma infinidade de opções.

3. Determinar um objetivo


Deu para entender que o CTA serve para induzir uma ação, então, é preciso definir o objetivo do negócio, ou seja, o que uma creche e berçário ou uma empresa de construção pretende alcançar.

Você pode querer que a chamada gere mais tráfego para outro artigo publicado no blog, o que valoriza suas estratégias de SEO (Search Engine Optimization, ou otimização para mecanismos de busca).

O Call to Action também pode ser usado para convencer o lead a se inscrever em sua newsletter, o que ajuda a evoluí-lo no funil de vendas. Para funcionar, é recomendável incluir o link ao final de um conteúdo.

Outro objetivo comum é induzir o visitante a fazer o download de um material, principalmente aqueles que já estão no meio ou no fundo do funil. Mas, neste caso, é essencial que a empresa ofereça um conteúdo exclusivo, que pode ser:

  • Infográfico;
  • Planilhas;
  • E-books;
  • Podcasts;
  • Entre outros.

Enfim, qualquer marca, como um restaurante de alimentação coletiva, pode usar essa estratégia para promover diferentes objetivos.

4. Usar cores contrastantes


Tudo o que você inclui na página, como imagens, textos e outros elementos são o que vão disputar a atenção do visitante.

Portanto, para destacar a chamada, ela deve se sobressair à primeira vista. Para conseguir isso, é interessante usar cores contrastantes, uma vez que elas atraem a atenção.

Para facilitar esse trabalho, você pode usar algumas ferramentas específicas.

Vantagens e resultados do CTA


O objetivo de qualquer empresa quando se trata de marketing digital é engajar o público.

Mesmo que uma empresa de aluguel de sala de reunião pense que este não seja seu principal propósito no momento, é interessante aplicá-lo o quanto antes para se ter resultados.

Uma das maneiras de engajar os visitantes de seu site ou até seus seguidores nas redes sociais é convidando-os a participarem do que sua marca promove, e é o CTA quem faz esse convite.

O engajamento é essencial para que um visitante se torne lead, um lead se torne cliente e um cliente se torne defensor da sua marca.

O marketing digital por si só evolui quando o cliente participa direta e indiretamente das estratégias das empresas. Então, um dos resultados mais vantajosos do uso do CTA é incentivar essa participação.

O CTA também ajuda a conhecer melhor o público, pois a organização entende de que maneira deve se comunicar com ele.

Uma prática inteligente e evoluída de marketing pela internet é quando a empresa, como uma montadora de stand promocional, consegue fazer com que sua audiência passeie pelos seus canais e consuma seus conteúdos.

É a chamada para ação quem mostra o caminho para essas pessoas, então, seu uso também garante estratégias de marketing mais evoluídas e eficazes.

Sem falar que, quando você consegue fazer com que o lead se atente ao que você diz e interaja com você, está valorizando os seus investimentos em outras práticas, como o inbound marketing e até anúncios pagos.

Ou seja, como resultado, a marca faz valer a pena cada centavo investido na cadeia de estratégias onde o CTA foi aplicado.

Esse botão, banner ou link favorece também os clientes, uma vez que eles terão uma moeda de troca cada vez que seguirem a orientação do Call to Action, como acessar um conteúdo inteligente, experimentar um produto dentre outras possibilidades.

Portanto, como resultado, a empresa consegue se fazer ser ouvida o que é muito vantajoso para criar sua autoridade de marca no mercado.

Por fim, uma chamada bem elaborada pode ser o que faltava para convencer o lead a comprar a sua solução. Portanto, ela ajuda a aumentar as vendas e, como vantagem, ainda aumenta os lucros.

Conclusão


O CTA é parte fundamental de qualquer estratégia de marketing digital bem elaborada. É por meio dele que a sua empresa vai levar visitantes e leads à próxima etapa do funil e se aproximar cada vez mais da venda.

Por meio de um bom planejamento e com as dicas que demos aqui, temos certeza de que a sua chamada para ação será persuasiva e convincente, e trará bons resultados.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.