4 P’s do Marketing: tudo o que você precisa saber sobre o Mix de Marketing

Os 4 P’s do Marketing fazem parte do Mix de Marketing, uma estratégia criada pelo professor Jerome McCarthy e difundida por Philip Kotler.

4 P’s do Marketing

Esses 4 P’s significam produto, preço, praça e promoção, sendo que é fundamental entender o conceito dessas quatro palavras dentro do marketing para conseguir aplicá-las às suas estratégias e promover a sua marca.

Apesar desse conceito ter sido criado na década de 1960, esses 4 pilares continuam em alta, mesmo tendo em vista toda a mudança pela qual as estratégias de marketing vêm passando.

Ou seja, estamos falando de algo atemporal, que ajuda a elaborar uma boa estratégia que permite que as empresas alcancem qualquer objetivo.

Nós sabemos que saber fazer marketing faz toda a diferença para o seu negócio, certo? Melhor ainda quando você consegue aplicar uma boa metodologia, aproveita ao máximo os recursos e obtém os melhores resultados.

Pensando nisso, neste artigo, vamos falar sobre o 4 P’s, para quê eles servem, sua importância e quais são as vantagens do Mix de Marketing. Então, se você quer saber mais sobre o assunto, acompanhe até o final.

O que são os 4 P’s de marketing?


Os 4 P’s de marketing são os pilares básicos que movem qualquer estratégia de marketing adotada por uma marca, e eles dizem respeito a produto, praça, preço e promoção.

Se uma fabricante de vinho tinto encorpado consegue mantê-los equilibrados, fica mais fácil conquistar e influenciar o seu público-alvo.

É sabido que para que qualquer empresa tenha sucesso, ela precisa vender. Só que antes disso, deve-se trabalhar na construção de sua marca.

Ou seja, de nada adianta ter vários canais de venda se a marca não foi devidamente construída. Vários pilares precisam ser trabalhados e eles são exatamente o que os 4 P’s abrangem.

A empresa deve, então, criar o seu produto, estabelecer o preço deles, saber como distribuí-lo e promovê-lo adequadamente. É dessa forma que ela equilibra esses quatro componentes e fortalece a sua marca perante o público-alvo.

Para você entender a importância de cada um deles, vamos mostrar cada de maneira individual a seguir:

1 - Produto


Toda empresa precisa ter seu produto, que também pode ser um serviço. Por exemplo, uma vinícola pode ter como produto um vinho lambrusco branco.

Dentro do contexto de Mix de Marketing, esse P serve para que sua equipe possa entender e definir as características e os atributos que a empresa oferece. Algumas perguntas devem ser respondidas para entendermos melhor, como:

  • Nome;
  • Marca;
  • Funções do produto;
  • Seus diferenciais.

Também é importante entender as necessidades e desejos da clientela, como, quando e onde o cliente vai utilizá-lo, como é fisicamente e as variações de tipos, tais como cores, tamanhos etc.

É dentro desse P que a marca começa a entender o ciclo de vida do seu produto ou serviço e como ele se comporta no mercado.

No que diz respeito a este ciclo, podemos dizer que ele se baseia em introdução, crescimento, maturidade e declínio.

Entendendo esse ciclo, um buffet de crepe em domicílio, por exemplo, consegue entender qual é o seu momento ideal e as melhores estratégias a serem adotadas.

2 - Preço


Qual é o valor cobrado pelo seu produto? Esse fator é primordial para a sobrevivência do negócio no mercado. Ele indica o futuro da empresa, visto que gera o dinheiro que paga as despesas da companhia e entrega os lucros.

Para adequar o preço ao produto, precisamos saber qual é o valor dele para o consumidor final, as faixas de preço aplicadas por outras marcas, o comportamento do cliente em relação ao preço e o quanto ele está disposto a pagar.

Também é fundamental saber o limite da precificação, se é preciso criar ações específicas de preço para alguns segmentos de público e como ele se compara à concorrência.

É importante lembrar que o preço não está ligado apenas ao produto/serviço em si, mas também à percepção do público em relação à marca.

3 - Praça


A praça diz respeito à colocação do produto no mercado, que define de que forma o cliente chega até à empresa e ao que ela tem a oferecer.

Para definir a praça de seus produtos, é preciso saber onde o público costuma procurar por eles, quais são os estabelecimentos que o distribuem (pontos de venda) e se existem lojas virtuais, como e-commerce.

Às vezes, é necessário fazer algumas adequações, como reforma loja, sem contar que é preciso saber como o seu negócio pode ter acesso aos melhores canais de distribuição.

Justamente com a análise do produto e preço, este P permitirá que você saiba onde e como a sua marca deve estar acessível.

4 - Promoção


Este P diz respeito às maneiras que você vai utilizar para promover sua marca e soluções para que cheguem até as pessoas certas.

É dessa forma que a empresa passa de uma desconhecida para uma solução necessária e se tornar uma satisfação dos desejos de seus clientes.

Para saber como promover seu produto, a organização deve pensar qual é a forma mais efetiva de direcionar suas mensagens para o público-alvo.

Quais canais pode usar? Como rádio, TV, redes sociais, sites etc. é preciso identificar, também, se o mercado é sazonal, ou seja, quando as vendas acontecem em determinados períodos como Páscoa, Natal, entre outros.

Também é essencial analisar como a concorrência promove seus produtos e serviços e como ela pode influenciar nas ações de sua marca.

Analisando os 4 P’s, podemos concluir que eles são importantes para uma fabricante de impressora térmica etiqueta adesiva ou qualquer outra empresa pelo fato de ajudá-la a elaborar a melhor estratégia.

Vantagens do Mix de Marketing


Adotar essa metodologia traz diversos benefícios para as organizações. Por exemplo, com ela há mais clareza no plano de marketing que a sua marca adotará.

Se eles estão equilibrados, naturalmente as ações se tornam mais claras e objetivas. Por exemplo, se o produto que resolve as dores da sua persona tem um preço adequado e está numa praça acessível, fica mais fácil promovê-lo.

Um P está ligado ao outro, e estando balanceados, as estratégias fluem naturalmente. Além disso, se quiser mudar algum deles, como o preço, pode observar os demais e alcançar o equilíbrio.

Outra vantagem é que esse mix ajuda a desenvolver novos produtos tanto em uma empresa de cabeamento estruturado quanto em uma indústria.

Quando estamos usando esses pilares para criar uma estratégia para o produto atual, naturalmente novas ideias surgem para criar produtos novos.

Isso porque a empresa passa a enxergar seu plano de marketing de um modo geral, visualizando pontos cegos que a versão atual do produto não atende.

Da mesma maneira, o Mix de Marketing funciona como um mapa que ajuda a melhorar o negócio, visto que ele mostra os pontos fortes e fracos da organização.

A marca consegue, também, se diferenciar de seus concorrentes, uma vez que ela pode traçar os seus 4 P’s e também os deles. Com isso, consegue visualizar seus pontos fracos e fortes, abrindo brechas para conquistar mais espaço no mercado.

É uma forma, por exemplo, de uma empresa de motoboy atuar em campos onde seus concorrentes não atuam. Agindo de maneira diferente, a sua marca ganha vantagem competitiva no mercado.

Por fim, o negócio se torna mais dinâmico, uma vez que a empresa está preparada tanto para colher os bons frutos, quanto para lidar com imprevistos.

Por exemplo, no caso de crises econômicas, o que é muito comum no Brasil, a organização se sente pronta para responder a qualquer mudança no cenário.

Isso porque ela já entende as variáveis que podem afetar os seus 4 P’s, o que a deixa mais preparada para qualquer revés.

Todo esse autoconhecimento do seu negócio te ajuda a encontrar caminhos para lidar com situações boas e ruins. Se a empresa passa por uma boa fase, como as vendas maciças de um produto, percebem o que provocou esse resultado.

Dessa forma, podem investir em estratégias que continuem alavancando os negócios e evitando aquelas que não alcançaram o mesmo padrão de resultado. Em outras palavras, há um melhor direcionamento de todas as ações adotadas.

Conclusão


Qualquer empresa, como uma que presta serviços de guincho moto, precisa investir em estratégias de marketing para alcançar o seu público e divulgar as suas soluções.

Só que para fazer isso, ela precisa conhecer bem o seu produto e tudo o que está relacionado a ele, e esta é justamente a proposta do mix de marketing.

Com essas informações em mãos, fica mais fácil se aproximar do seu público-alvo e ao mesmo tempo valorizar o que você tem a oferecer a ele. No fim das contas, sua marca se torna referência no que faz e consegue se promover.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.