Como montar um mídia kit para sua empresa?

O mídia kit é um recurso usado para apresentar produtos e serviços para possíveis anunciantes, e funciona como uma espécie de documento informativo.

Como montar um mídia kit para sua empresa

Essa ferramenta é muito importante para quem produz conteúdo e para que os influenciadores digitais consigam fechar parcerias com diferentes marcas.

É por meio dele que o interessado apresenta suas características, usando diferentes canais, como o YouTube, blog e redes sociais. Podemos considerá-lo como um tipo de vitrine do trabalho que convence os anunciantes de serem as pessoas certas para divulgá-lo.

O recurso demonstra que o produtor tem credibilidade e está preocupado com a relevância de seus conteúdos. Inclusive, o mídia kit vem sendo usado desde que o conteúdo digital ganhou espaço.

Independentemente do canal que a pessoa queira divulgar as soluções e de quem fará esse trabalho, existem algumas informações indispensáveis.

Se você tem um canal e quer fazer parcerias com marcas dos mais variados tipos e outros produtores de conteúdo, precisa saber como montar seu mídia kit.

Por isso, neste artigo, vamos explicar o conceito de mídia kit, mostrar para que serve esse recurso, além de quais as informações que precisam ser inseridas. Confira!

Entenda o que é mídia kit

Mídia kit nada mais é do que um documento usado pelos veículos de comunicação, influenciadores digitais e produtores de conteúdo para apresentar uma plataforma e divulgar informações sobre ela. Portanto, serve para fechar parcerias com anunciantes.

Por meio dele, o indivíduo mostra o valor de sua plataforma para aqueles que querem fazer parcerias com o negócio.

Um influenciador digital, por exemplo, utiliza esse recurso para apresentar diferentes plataformas que utiliza, como:

  • Site;
  • Blog;
  • Redes sociais;
  • Canal do YouTube.

Desse modo, uma empresa de portaria e vigilância interessada em divulgar seus produtos e serviços naquele espaço, pode utilizar a influência da pessoa.

A estratégia é muito utilizada no mercado de comunicação, principalmente no meio publicitário. Por meio dela, produtores de conteúdo fornecem dados sobre suas plataformas, características de seu público, níveis de engajamento, dentre outras informações.

É essencial para quem quer monetizar a produção de materiais para clientes finais, dentre os formatos usados estão os publieditoriais, artigos em blogs, publicações nas redes sociais, entre outras possibilidades voltadas à publicidade.

Além de ajudar quem produz conteúdos, também é uma forma de fazer com que as marcas conheçam e entendam o perfil dos produtores, o público que possuem e o alcance que a empresa obteria ao anunciar com ele.

Considerando essa análise, a corporação tem embasamento suficiente para decidir se realmente vale a pena investir em determinadas plataformas.

Um exemplo disso seria um influenciador digital que cria conteúdos constantemente para o YouTube e o Instagram.

Se estiver interessado em fazer uma parceria com um hospital veterinário, precisa criar um mídia kit para apresentar as características de sua atuação nos canais, para que o parceiro possa divulgar seus serviços.

Só que para funcionar, é necessário que o documento seja criativo, entregue valor e informação e seja de fácil compreensão.

Para que serve o mídia kit?

O mídia kit possui diferentes finalidades, e uma delas é fazer com que a plataforma se transforme em uma vitrine para os anunciantes.

Quem é produtor de conteúdo em diferentes canais da web e deseja atrair anunciantes, precisa ter um público bem definido e um bom nível de engajamento, pois isso vai fazer com que as empresas se interessem pela parceria.

O kit de mídia facilita as oportunidades nesse sentido, visto que costuma ser o primeiro ponto de contato da marca com as características das plataformas.

As informações também precisam ser apresentadas de maneira simples, compacta e criativa, além de contar com alguns recursos visuais.

Outra função é demonstrar credibilidade e profissionalismo por parte do criador de conteúdo. O documento mostra que a pessoa conhece seu público, o que seus materiais geram engajamento e agregam valor no dia a dia dos usuários.

Além de atrair uma empresa de içamento de móveis, também é um meio de padronizar a comunicação estabelecida com as marcas nos canais utilizados.

As empresas compreendem que se trata de um profissional sério e que se preocupa com a credibilidade do que é oferecido, fatores essenciais para parcerias com anunciantes.

Com a ajuda desse recurso, o influenciador convence os anunciantes a contratá-lo, uma vez que transmite informações relevantes sobre o trabalho que realiza.

Se você realmente produz conteúdo de qualidade e tem um bom relacionamento com sua audiência, o mídia kit se transforma na oportunidade de convencer as empresas a anunciarem com você, o que aumenta os lucros.

Por fim, a estratégia ajuda a alinhar parcerias compatíveis com a proposta de valor do criador de conteúdo.

Quando um influenciador digital quer fazer publicidade para um fabricante de totem interativo, precisa mostrar que está alinhado com os valores, propósitos e missão do negócio.

É necessário firmar parcerias com empresas compatíveis com o público para que as pessoas percebam que o anúncio tem a ver com seus interesses. Caso contrário, a imagem dos parceiros pode ser prejudicada.

Justamente por isso, é fundamental mostrar para os futuros anunciantes quais são os seus valores. Isso descarta relações com empresas que não são do interesse da audiência.

Informações importantes devem constar no mídia kit

O propósito do mídia kit é fornecer informações que as empresas não conseguem obter por outros meios. Ao ler o documento, elas entendem quem é o produtor de conteúdo, como seu trabalho funciona e a mensagem que transmite.

Tudo isso deve ser exposto de maneira completa, por meio de informações indispensáveis dentro do kit. São elas:

1 - Explicar quem você é

Assim como o crachá de identificação funcional identifica os colaboradores de uma empresa, o kit de mídia também deve identificar o produtor de conteúdo.

Ele deve escrever de maneira sucinta sobre si próprio para despertar o interesse da organização em prosseguir com a leitura do kit. Um pequeno parágrafo é o suficiente para fazer essa apresentação.

2 - Descrever o nicho de mercado

Outro ponto importante é descrever o nicho de mercado em que o influenciador digital atua, pois isso vai garantir firmar parcerias com as marcas certas.

Por exemplo, um fabricante de maquiagem não teria sucesso se anunciasse seus produtos com um influenciador que fale sobre o universo automotivo. São nichos de mercado diferentes, portanto, seus públicos também diferem entre si.

3 - Mostrar a quantidade de seguidores

Falar sobre o número de seguidores é algo básico e muito importante para que a empresa tenha uma noção da quantidade de pessoas que vão saber um pouco mais sobre seus produtos e serviços.

Se a ideia é firmar parcerias com uma empresa de paisagismo e jardinagem, falar sobre o número de seguidores mostra o impacto que o indivíduo tem sobre sua audiência.

No entanto, lembre-se de que essa informação precisa ser verdadeira, sem aumentar a quantidade ou fazer a compra de falsos seguidores.

4 - Falar sobre outras parcerias

Fale sobre outras parcerias que já fez e que deram certo, uma vez que isso transmite credibilidade e dá mais consistência para o kit.

Selecione os melhores negócios, lembrando de que eles também precisam ser relevantes para ilustrar de que modo os seus conteúdos podem ajudar o futuro parceiro.

5 - Abordar missão, propósito e valores

A missão, propósito e valores são muito importantes para que a organização compreenda os fundamentos do seu trabalho.

Para fazer parceria com um fabricante de relógio de ponto digital para pequenas empresas ou qualquer outro tipo de negócio, é essencial que esses fatores estejam alinhados, pois eles aumentam a credibilidade perante o público.

6 - Mostrar o perfil do público

Uma das maiores preocupações das marcas atualmente é impactar o público certo, por isso, elas vão se interessar sobre essa questão no documento.

Nesse contexto, quanto mais informações forem apresentadas, melhor. Procure ir além de gênero, escolaridade, renda e idade, procurando explorar os tipos de produtos que essas pessoas consomem, seu estilo de vida e onde moram.

Também é interessante apontar se já consumiram um produto ou serviço divulgado por você e nunca minta sobre essas informações.

7 - Apresentar suas estatísticas

Para fazer uma boa parceria com uma empresa de recepcionista, além da quantidade de seguidores, mostre em números o engajamento da audiência, uma vez que ele mostra a capacidade de influenciar pessoas e se relacionar com elas.

De nada adianta ter um perfil no Instagram com milhares de seguidores se eles não interagem com as publicações. Assim sendo, adicione estatísticas, comentários e taxas de entrega.

Considerações finais

Firmar boas parcerias com empresas é uma excelente oportunidade de trabalho para os influenciadores digitais e criadores de conteúdo.

É dessa forma que o trabalho se torna rentável e traz retornos positivos para a carreira dessas pessoas, e o mídia kit é a ferramenta mais importante para alcançar esse objetivo.